Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Decisões difíceis

por Uma Família Dramática, em 26.09.14

Como já referi aqui no blog, eu trabalho numa loja de roupa. O meu patrão é dono de duas lojas, que ficam em duas cidades diferentes, mas trabalhamos em conjunto. Estamos diariamente em contacto e enviamos produtos de uma loja para a outra, de forma a satisfazer sempre o cliente. Somos duas lojas, mas trabalhamos apenas como uma equipa. Como é uma loja dedicada, exclusivamente, à roupa de verão, só abrimos de Abril a Outubro. Este verão o patrão estava a precisar de meter uma pessoa em part-time para a época de férias e eu sugeri uma (grande) amiga minha que andava à procura de qualquer coisa para juntar uns trocos para a universidade. Ele fez-lhe uma entrevista, gostou dela e contratou-a. Até aqui tudo muito bem. Davamo-nos todas super bem. Apesar das nossas colegas estarem longe e só falarmos por telefone, como havia um contacto diário, era como se estivessemos todas juntas, todos os dias. A única coisa negativa era a nossa gerente. Ela conseguiu fazer com que ninguém a suportasse, nem mesmo a gerente da outra loja. O nosso patrão começou a aperceber-se que algo de errado se estava a passar e foi tentando tirar-nos alguma informação. Quando ele percebeu que o problema estava concentrado na mesma pessoa, o que é que ele fez? Nada. Deixou andar. Pensamos nós. Ontem, recebi uma chamada do meu patrão a perguntar, se eu queria ir para o lugar de gerente no próximo ano... a ganhar mais. É obvio que a mim me dava um jeitaço receber um dinheiro extra mas ao mesmo tempo sinto-me super mal por saber que uma colega, mesmo que seja uma bitc*, vai perder o emprego dela.

Tenho que lhe dar uma resposta, mas não sei o que fazer...

publicado às 17:59


19 comentários

De wideawake a 26.09.2014 às 22:28

take it!

Não desperdice. A sua colega até pode ser muito boa mas nenhuma empresa é rentável quando um funcionário não sabe trabalhar em equipa e cria conflitos.
É uma oportunidade de subir na carreira e que, se não aceitar, poderá levar o teu patrão a não te consultar das próximas vezes...


Qualquer que seja a decisão, boa sorte! E depois conta como foi *

De Uma Família Dramática a 29.09.2014 às 16:31

Obrigada pela opinião, de facto, corro o risco de não receber mais nenhum convite, caso não aceite. Estou tentada a aceitar.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Arquivo

2014